top of page

Depressão: mais do que tristeza

Atualizado: 9 de mar. de 2023

Na entrevista à Lusa, o Prof. Miguel Ricou refere com preocupaçãi que "Portugal está a enfrentar “um tsunami” na área da saúde mental como consequência da pandemia da covid-19."



É certo que a pandemia nos desafiou mais do que esperavamos e trouxe desafios complexos e dificeis aos portugueses e às famílias. O impacto na saúde psicológica está à vista, e merece ser considerado.


Sabia que cerca de 10% dos portugueses enfrenta Depressão ao longo da sua vida?


Sabia que é possível ultrapassar a depressão e que o recurso a medicamentos nem sempre é necessário?


É fundamental intervir quando as situações ainda não estão agravadas, e por isso, devemos estar atentos a sinais e sintomas como:


- Tristeza acentuada e humor negativo

- Falta de prazer e motivação para as tarefas

- Dificuldade em cuidar de si próprio/a

- Alterações de apetite

- Alterações do sono

- Isolamento ou dificuldades sociais

- Mal-estar significativo na sua vida.



Lembre-se: "A Depressão NÃO É algo “da nossa cabeça”, um “sinal de fraqueza”, preguiça ou falta de vontade. A Depressão não dura para sempre e pode acontecer a qualquer pessoa, independentemente do seu género, idade, cultura e estatuto socioeconómico. (OPP, 2021)


Na GP Médicos, poderá obter ajuda especializada. Não hesite em contactar!

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Post: Blog2_Post
bottom of page